Vices que amamos: A Portuguesa que encantou o Brasil

Em 1996, a Portuguesa desafiou a lógica do futebol nacional e sonhou com o título brasileiro. A última grande Lusa, nas mãos de Candinho, foi até a final e vendeu caro a taça para o Grêmio, que vivia seu auge sob o comando de Luiz Felipe Scolari.

Continue lendo “Vices que amamos: A Portuguesa que encantou o Brasil”

Félix: O bravo campeão que nunca foi uma unanimidade

Ser goleiro da Seleção Brasileira envolve muito mais contras do que prós. A pressão para manter o legado de grandes jogadores da posição massacra e destrói a fama dos que não tiveram tanto sucesso com a camisa canarinha. Mesmo campeão mundial na marcante e saudosa Copa de 1970, Félix sempre conviveu com críticas e contestações. Mas ele mesmo se dizia vencedor de toda e qualquer batalha em sua vida.

Continue lendo “Félix: O bravo campeão que nunca foi uma unanimidade”

Brasileiraço: Em algum lugar perdido no tempo

portuguesa-cai-para-a-d

Portuguesa não consegue se safar na última rodada e cai para a Série D, batendo no fundo do poço. Fase crítica da Lusa gera comoção até em quem não é torcedor do clube. Na Série A, Palmeiras segue líder e o Flamengo vem na cola. Grêmio entra em espiral decadente e troca de técnico.

Continue lendo “Brasileiraço: Em algum lugar perdido no tempo”

Brasileiraço: Sempre há um fio de esperança

fernandinho-fla
Foto: GloboEsporte.com

Liderança do Palmeiras agora é ameaçada pelo Flamengo, que colou de vez no rival. Rubro-negros comemoram empate fora de casa do Verdão contra o Grêmio e a iminência do confronto direto em São Paulo. Lá embaixo, São Paulo vence e respira, enquanto o Inter toma virada do Atlético. Na Série C, Portuguesa também ganha um pouco de ar para escapar do descenso.

Continue lendo “Brasileiraço: Sempre há um fio de esperança”

Brasileiraço: Os felizardos e os desgraçados do fim de semana

Botafogo x Grêmio
Foto: GloboEsporte.com

Em jogo isolado da 19ª rodada, Botafogo pune o Grêmio com golaço de bicicleta e complica gaúchos na briga pelo título. Na Série B, Vasco perde outra vez e vê o Brasil se aproximar. Portuguesa se aproxima de mais um rebaixamento na Série C, enquanto os promovidos da Série D são definidos.

Continue lendo “Brasileiraço: Os felizardos e os desgraçados do fim de semana”

Brasileiraço: Um domingo de arte e cagadas da arbitragem

Robinho x Sport
Foto: GloboEsporte.com

Em rodada repleta de golaços, especialmente nos jogos do domingo, a arbitragem voltou a estar em foco por atuações desastrosas. Torcedores do Sport e do Palmeiras reclamaram (com razão) da intervenção dos homens do apito na Série A. Destacamos também o que de melhor aconteceu nas Séries B e C do Brasileiro.

Continue lendo “Brasileiraço: Um domingo de arte e cagadas da arbitragem”

Como Evair ajudou a Portuguesa a sonhar alto em 1998

Foto: UOL
Foto: UOL

Entre o título brasileiro com o Vasco e o da Libertadores com o Palmeiras, Evair viveu um momento pouco lembrado de sua carreira. Em 1998, foi cedido à Portuguesa graças a uma ambiciosa tentativa da Federação Paulista. O atacante foi muito bem na Lusa, apesar de não ter vencido nenhum título.

Continue lendo “Como Evair ajudou a Portuguesa a sonhar alto em 1998”

Pacaembu, casa de grandes memórias para os clubes paulistas

Foto: Prefeitura de São Paulo
Foto: Prefeitura de São Paulo

Hoje a cidade de São Paulo faz 462 anos e como não poderia ser diferente, tivemos decisão da Copa São Paulo de Juniores naquela que é a maior casa neutra para os clubes da capital. O Pacaembu, inaugurado em 1940, já recebeu grandes títulos do trio de ferro e até mesmo do Santos, que tem seu caldeirão na Vila Belmiro. Que tal relembrar alguns deles?

Continue lendo “Pacaembu, casa de grandes memórias para os clubes paulistas”

Dener, o nosso James Dean

Foto: IG
Foto: IG

Jovens, audaciosos, extremamente talentosos no que faziam e mortes trágicas em acidentes automobilísticos. James Dean e Dener deixaram o mundo de forma brusca e sempre que lembramos dos dois, fica a sensação de um legado incompleto. Mas afinal, quem é que cumpre a missão de vida aos 24 anos?

Continue lendo “Dener, o nosso James Dean”

Como Zé Roberto superou sua decepção com a camisa do Real Madrid

Foto: Todo Colección
Foto: Todo Colección

Três anos depois de começar a sua carreira e estourar pela Portuguesa, o lateral-esquerdo Zé Roberto foi parar no Real Madrid, em 1997. Grande aposta para um momento de transição do clube espanhol, o brasileiro não conseguiu se firmar e acabou voltando. Mas o que sucedeu até que ele fosse cedido ao Flamengo?

Continue lendo “Como Zé Roberto superou sua decepção com a camisa do Real Madrid”