Antonio Cassano e a luta contra a própria maluquice

Craque italiano revelado no começo da década de 2000 mostrou indiscutível talento em diversas fases da carreira. Mas os problemas extracampo e o temperamento difícil prejudicaram a evolução de Antonio Cassano, ídolo na Roma e na Sampdoria.

Continue lendo “Antonio Cassano e a luta contra a própria maluquice”

A história de Schiaffino, o uruguaio que nasceu para ser campeão

Um dos carrascos do Brasil no Maracanazo, Schiaffino teve carreira vitoriosa por onde passou. Defendeu grandes clubes e honrou a camisa do Uruguai na Copa de 1950. E fez história ao lado de times fantásticos nos seus tempos.

Continue lendo “A história de Schiaffino, o uruguaio que nasceu para ser campeão”

Dario Simic foi uma farsa ou um talento incompreendido?

Cem jogos pela Croácia. Três Copas do Mundo, três Eurocopas e passagens por dois dos maiores clubes italianos: este é o currículo de Dario Simic, que para muitos, foi um grande defensor. Para outros, uma promessa jamais cumprida.

Continue lendo “Dario Simic foi uma farsa ou um talento incompreendido?”

O instinto goleador de Mazzola que levou o Milan ao topo da Europa

Autor de 14 tentos na campanha do título do Milan pela Copa dos Campeões Europeus em 1963, José João Altafini foi crucial para o início da belíssima história rossonera na Europa. Seu recorde individual de gols na competição só foi quebrado mais de 50 anos depois por Cristiano Ronaldo.

Continue lendo “O instinto goleador de Mazzola que levou o Milan ao topo da Europa”

O último Milan “faz-me rir” antes do super time de Berlusconi

Quando uma equipe grande monta um elenco decepcionante ou faz uma campanha abaixo da expectativa, há a possibilidade de que esta geração fique marcada na história como uma das piores. Evitando possíveis injustiças, mas analisando friamente, o Milan montou uma baba antes de entrar na Era Berlusconi. O time de 1985-86 foi bem bizarro e teve problemas extra-campo.

Continue lendo “O último Milan “faz-me rir” antes do super time de Berlusconi”

A história do endiabrado Dejan Savicevic

LEAD Technologies Inc. V1.01

Savicevic foi o filho pródigo de uma Iugoslávia em ruptura; seu talento com a bola nos pés trouxe o mundo para mais perto e o sucesso foi absoluto na sua passagem pelo Estrela Vermelha, que rendeu a transferência de sua vida para o Milan.

Continue lendo “A história do endiabrado Dejan Savicevic”

[Yahoo] O lado negro da carreira de Paolo Rossi, algoz do Brasil em 1982

paolo-rossi-retrato

Paolo Rossi completa 60 anos de idade e recebe carinho dos fãs na Itália. Contamos a história dele, com foco na Copa de 1982, grande momento de sua carreira e também a volta por cima após o envolvimento em um escândalo de manipulação de resultados. O lado negro do craque é até hoje associado com a corrupção.

Leia no Yahoo >>>>

Sheva: Um goleador nato da Ucrânia para o mundo

sheva-milan

Muitos atletas elevam o patamar de seu país no futebol, simplesmente por serem craques ou gênios do seu tempo. Outros não repetem a atuação dos clubes pela seleção e dão a impressão de que poderiam ter sido muito mais. Para Andriy Shevchenko, que se não foi o melhor jogador ucraniano de todos os tempos, ao menos pode ser o maior deles após a dissolução da URSS.

Continue lendo “Sheva: Um goleador nato da Ucrânia para o mundo”

O Milan perdeu a chance de formar um ídolo como Davids

davids-milan
Reiziger e Davids em apresentação ao Milan

Davids chegou ao Milan em 1996, após boa participação na Eurocopa e na final da Liga dos Campeões, contra a Juventus. Destaque de uma geração inspiradíssima do Ajax, o volante não obteve sucesso em Milão, sua primeira parada na Itália.

Continue lendo “O Milan perdeu a chance de formar um ídolo como Davids”