Jordi e o legado da família Cruyff no futebol

Batizado com o nome do padroeiro da Catalunha, Jordi Cruyff nasceu meses antes do incomparável fenômeno do Futebol Total na Copa de 1974. Herdeiro do maior jogador holandês da história, o meia teve um ótimo exemplo em casa, mas não contou com a sorte durante a sua longa carreira como futebolista.

Continue lendo “Jordi e o legado da família Cruyff no futebol”

Escalamos um Barcelona apenas com holandeses. E ficou bom pra caramba

A segunda casa dos atletas holandeses no futebol é o Barcelona. Nenhum outro clube tem uma relação tão próxima com a Holanda como o gigante catalão. O primeiro foi o lendário Johan Cruyff, em 1973. E o último foi o jovem arqueiro Cillessen, que chegou em 2016 ao Camp Nou. Mas será que essa tropa laranja daria um time completo? Sim. E com direito a banco de reservas.

Continue lendo “Escalamos um Barcelona apenas com holandeses. E ficou bom pra caramba”

O dia em que o Tottenham destruiu o Feyenoord de Cruyff e Gullit

Na edição de 1983-84 da Copa Uefa, Tottenham e Feyenoord se enfrentaram logo na segunda rodada. Em um jogão no White Hart Lane, os ingleses detonaram a equipe holandesa, que contava com Gullit e Cruyff como titulares.

Continue lendo “O dia em que o Tottenham destruiu o Feyenoord de Cruyff e Gullit”

O reencontro final de Cruyff e Keizer, os dois maiores ídolos do Ajax

Ponta-esquerda de sucesso nos tempos dourados do Ajax, Piet Keizer só defendeu a camisa do clube amsterdanense em 13 anos de carreira. Ele foi o cara que viu Cruyff crescer e florescer como o maior de todos os tempos na Holanda. E a carreira não foi menos brilhante do que a do craque da camisa 14.

Continue lendo “O reencontro final de Cruyff e Keizer, os dois maiores ídolos do Ajax”

A cilada que levou Cruyff ao futebol dos Estados Unidos

A carreira de Cruyff parecia perto do fim. Quando deixou o Barcelona, em 1978, o holandês planejava aproveitar o resto de sua juventude com a família. Ele não tinha muito mais a fazer no esporte, ganhou quase tudo que podia. Mas um investimento errado e a perda significativa de capital quase o levou à falência, forçando seu retorno no ano seguinte, pelo Los Angeles Aztecs.

Continue lendo “A cilada que levou Cruyff ao futebol dos Estados Unidos”

O primeiro clássico entre Cruyff e Beckenbauer

Cruyff x Beckenbauer ajax bayern

Holandeses arrancavam para o tricampeonato europeu sob a batuta de Cruyff, em fase esplendorosa. Adversário do Ajax nas quartas de final da Copa dos Campeões Europeus de 1972-73 foi o Bayern de Franz Beckenbauer, derrotado de forma incontestável e alçado ao topo da Europa no ano seguinte.

Continue lendo “O primeiro clássico entre Cruyff e Beckenbauer”

Videoteca TF: Cruyff doutrinando adversários nos Estados Unidos

Embrião da MLS, a NASL reuniu nas décadas de 70 e 80 vários craques em fim de carreira. Pelé, Beckenbauer, Carlos Alberto Torres, Gerd Müller e… Johan Cruyff. O holandês atuou nos Estados Unidos pelo Washington Diplomats. Aqui vai uma palhinha do que ele fez na capital americana.

E se a gente fizesse uma seleção só com jogadores que viraram técnicos?

Johan Cruyff (Ajax manager) smokes a cigarette Pic : Action Images
Foto: Action Images

Por Felipe Portes e Lílian Trigo

Muitos jogadores não conseguem ficar longe do futebol depois da aposentadoria e logo se metem em cursos para começar a vida como treinadores. A maioria esmagadora de técnicos que fizeram sucesso no futebol mundial é formada por ex-atletas. Sabendo disso, escolhemos 11 caras que jogaram muita bola e depois foram para o banco de reserva transmitir seus ensinamentos. Mesmo não sendo um 4-4-2 tradicional, olha só a nossa seleção:

Continue lendo “E se a gente fizesse uma seleção só com jogadores que viraram técnicos?”

Os atos de rebeldia que fizeram Cruyff ser o maior astro do seu tempo

Johan Cruyff foi incontestavelmente um dos maiores gênios da história do futebol. Responsável pela entrada do futebol holandês no roteiro dos grandes do planeta, o ex-meia acumulou episódios de rebeldia ao longo da sua carreira. Era um jogador problemático e seus dramas eram proporcionais à sua capacidade de vencer partidas.

Continue lendo “Os atos de rebeldia que fizeram Cruyff ser o maior astro do seu tempo”