Será que fomos justos com o francês Stéphane Guivarc’h?

Atacante francês é lembrado por muita gente como um dos piores atletas a vencer uma Copa do Mundo. Presente na final contra o Brasil em 1998, o camisa 9 não teve grandes momentos em sua carreira e saiu do Newcastle sem deixar nenhuma saudade.

Continue lendo “Será que fomos justos com o francês Stéphane Guivarc’h?”

Hipóteses cabeludas sobre a fatídica final da Copa do Mundo 1998

ATENÇÃO: ESTE É UM TEXTO FICCIONAL. Os eventos descritos neste post não refletem e nem se propõem a refletir a realidade dos acontecimentos de 12 de julho de 1998. São cinco hipóteses bizarras que podem ajudar (ou não) a entender o mistério em torno da derrota que marcou uma geração.

Continue lendo “Hipóteses cabeludas sobre a fatídica final da Copa do Mundo 1998”

A Copa de 1998 e o fim da minha inocência no futebol

Zidane cabeçada 1998

Eu amava demais a Seleção Brasileira. Tanto quanto amava o Palmeiras. Como nasci em 1990, minhas primeiras memórias de vida foram diretamente relacionadas ao Tetra e ao bicampeonato brasileiro em 1994. Dos poucos flashes que ainda trago destes tempos, as figurinhas, as cores e os craques são os que mais me encantam. A bola de couro com as bandeiras dos países da Copa, aquele cheiro de infância, o início de uma vida entregue ao futebol. E que se não fosse por ele, nem estaríamos tendo esta conversa.

Continue lendo “A Copa de 1998 e o fim da minha inocência no futebol”

Eurocopa, a final: O fim dos doze anos de amargura

Portugal campeão

Portugal faz partida monumental e vence a França com gol no segundo tempo da prorrogação. Sem Cristiano Ronaldo, machucado, lusitanos superaram todos os prognósticos para reverter o trauma de 2004, quando saíram derrotados da final contra a Grécia.

Continue lendo “Eurocopa, a final: O fim dos doze anos de amargura”

Eurocopa, dia 22: Uma aula de como neutralizar um campeão

Foto: Uefa
Foto: Uefa

França faz jogo eficiente e corajoso para eliminar a Alemanha e jogar outra final em casa pela Eurocopa. Griezmann decidiu e apareceu na hora certa para fazer os gols e levar a sua seleção mais longe. Atacante é o artilheiro da competição, com seis tentos.

Continue lendo “Eurocopa, dia 22: Uma aula de como neutralizar um campeão”

Guia musical da Euro 2016: França x Islândia

tb32c273

No quesito grito de guerra, não tem pra ninguém, a Islândia ganha de lavada. Os vikings mais uma vez querem chegar a Paris e, no fundinho, todos nós estamos torcendo por eles. Mas sabemos que é muita falta de educação tocar o terror na casa dos outros, ainda mais quando o anfitrião recebe com queijo brie, champanhe, pain perdu, bife bourguignon e crème brûlée…

Continue lendo “Guia musical da Euro 2016: França x Islândia”

Eurocopa, dia 20: O vinho derrete o gelo

France v Iceland - UEFA Euro 2016 Quarter-Final
(Foto: Uefa)

No ano de 845, os vikings invadiram o Reino da França. Saquearam as cidades, fizeram o maior estrago e causaram inúmeros prejuízos para os francos. 1.171 anos depois, a França deu o troco. Mas dessa vez os canhões e a infantaria vieram na forma de Antoine Griezmann, Dimitri Payet, Paul Pogba e Olivier Giroud.

Continue lendo “Eurocopa, dia 20: O vinho derrete o gelo”

Eurocopa, dia 10: Materiais esportivos de procedência duvidosa

Foto: Uefa
Foto: Uefa

Definição do grupo A passou por jogos modorrentos e marcados pela bizarrice. Em Suíça e França, camisas da Puma rasgaram completamente e deixaram quatro atletas na mão durante o jogo. Do outro lado, a Albânia fez história e venceu sua primeira partida, eliminando a Romênia.

Continue lendo “Eurocopa, dia 10: Materiais esportivos de procedência duvidosa”

Eurocopa, dia 6: Bombardeio ao castelo albanês

Foto: Uefa
Foto: Uefa

França sua sangue para bater a Albânia com dois gols nos minutos finais, superando a forte retranca dos adversários. Eslováquia venceu a sua primeira partida em Eurocopas e suíços se salvam de derrota contra os romenos. Sexto dia de competições foi bacana em solo francês.

Continue lendo “Eurocopa, dia 6: Bombardeio ao castelo albanês”