Noite de Libertadores: O matador de campeões

Foto: Globoesporte.com

Botafogo resgata valentia dos primeiros jogos, bate o Atlético Nacional com autoridade e elimina o atual campeão. Classificação para as oitavas de final será mais um passo na caminhada espetacular que o Fogão vem fazendo. No outro jogo da chave, o Estudiantes acordou, mas não conseguiu se salvar.

Continue lendo “Noite de Libertadores: O matador de campeões”

Noite de Libertadores: A vaga iminente que virou dor de cabeça

Foto: Globoesporte.com

Botafogo começou a partida contra o Barcelona precisando apenas de uma vitória para se classificar com antecedência. Entretanto, planos foram frustrados após uma atuação bem abaixo da média que culminou em derrota para os equatorianos. Enquanto isso, o campeão Atlético Nacional ressurge das cinzas.

Continue lendo “Noite de Libertadores: A vaga iminente que virou dor de cabeça”

Noite de Libertadores: A coragem vale ouro

Foto: Globoesporte.com

Em noite de empates para os brasileiros na Libertadores, o Botafogo roubou a cena fazendo uma grande partida contra o favorito do grupo. No atual contexto, segurar o Barcelona de Guayaquil no Equador é um grande mérito. O Grêmio, por outro lado, passou perto de vencer o Guaraní em Assunção.

Continue lendo “Noite de Libertadores: A coragem vale ouro”

Noite de Libertadores: O espírito velho e o susto

Com Verón em campo outra vez, o Estudiantes perdeu em casa para o Barcelona de Guayaquil. Já o Grêmio, estreou na sua Arena contra o Iquique, deu um banho de futebol na primeira etapa e quase entregou o ouro nos 45 minutos finais. A Libertadores voltou e voltou com tudo.

Continue lendo “Noite de Libertadores: O espírito velho e o susto”

Noite de Libertadores: De puxeta em puxeta, o Botafogo segue em delírio

Foto: GloboEsporte.com

Botafogo faz a sua estreia na fase de grupos e se dá bem no Nilton Santos. Com um placar apertado e muito sufoco, o Alvinegro deu um presentão ao técnico Jair Ventura ao vencer o Estudiantes. No outro jogo da chave, o Barcelona de Guayaquil peitou o Atlético Nacional em duelo eletrizante.

Continue lendo “Noite de Libertadores: De puxeta em puxeta, o Botafogo segue em delírio”

Manga, o gigante inocente e gentil

Entre as muitas histórias, há uma acontecida em sua primeira viagem à Europa. No aeroporto de Madrid, ele leu uma ficha na entrada do país: “Apelido” (nome, em espanhol). Escreveu: Manga. Mais embaixo, “Nombre del padre”. Benzeu-se. (Revista Placar, em 1975, sobre a ingenuidade de Manga)

Continue lendo “Manga, o gigante inocente e gentil”