Noite de Libertadores: Vergonha, sangue e glória

Nova guerra entre Peñarol e Palmeiras termina com virada alviverde e batalha campal no Campeón del Siglo. Felipe Melo ficou no olho do furacão e virou alvo dos uruguaios. Em outras partidas menos caóticas, o Atlético Paranaense se vingou do Flamengo e o Atlético Mineiro derrotou o Libertad. Apenas mais uma noite de Libertadores.

Continue lendo “Noite de Libertadores: Vergonha, sangue e glória”

Noite de Libertadores: A experiência sobrenatural de Ricardo Oliveira

Foto: GloboEsporte.com

Noite difícil para os brasileiros na Libertadores teve derrota do Galo e empate valioso para o Santos, que seguiu na ponta da sua chave. Entretanto, rodada ficou marcada pela gafe da “morte” de Ricardo Oliveira antes da bola rolar em Bogotá.

Continue lendo “Noite de Libertadores: A experiência sobrenatural de Ricardo Oliveira”

Noite de Libertadores: A melhor forma de se respeitar um campeão

Foto: GloboEsporte.com

Botafogo e Atlético Mineiro viveram noite incrível na quinta-feira de Libertadores. Com vitórias convincentes, ambos podem comemorar demais na rodada. Especialmente o Fogão, que não teve medo do atual campeão e derrubou o Atlético Nacional dentro do Atanásio Girardot.

Continue lendo “Noite de Libertadores: A melhor forma de se respeitar um campeão”

Noite de Libertadores: O carnaval ainda não acabou no Rio

Foto: Globoesporte.com

Flamengo atropela o San Lorenzo em seu retorno ao Maracanã, se candidatando ao primeiro lugar da chave. Atlético Mineiro visita o Godoy Cruz e sofre na Argentina, enquanto o Palmeiras arranca um empate do estreante Atlético Tucumán em território adversário. Os brasileiros mostraram muita garra na quarta-feira de Libertadores.

Continue lendo “Noite de Libertadores: O carnaval ainda não acabou no Rio”

[Yahoo] Cicinho merece uma última chance no futebol brasileiro

Lateral de 36 anos mira uma última boa fase em sua carreira. Atormentado por lesões e dificuldades extra-campo no passado, o ex-atleta do São Paulo recuperou o antigo futebol na Turquia, pelo Sivasspor. A saudade de casa e a perspectiva de aposentadoria colocam Cicinho como uma alternativa para o mercado brasileiro em 2017. Ele merece outra chance? Achamos que sim.

LEIA NO YAHOO

Dadá, o artilheiro que parava no ar

dada-1972Dario será sempre lembrado no futebol pelas suas frases cômicas, pelo carisma e os gols de cabeça. Ao longo de quase vinte anos de carreira, o artilheiro colecionou algumas grandes histórias no esporte.

Continue lendo “Dadá, o artilheiro que parava no ar”

Brasileiraço: Disfarçando as evidências

Foto: GloboEsporte.com
Foto: GloboEsporte.com

Internacional sai da zona da degola e vence a primeira em 14 partidas no Brasileirão. Agora quem está a perigo é o São Paulo, que foi derrotado pelo Palmeiras no Choque-Rei e parece determinado a lutar contra o descenso. Grêmio leva chapuletada do Coritiba e se distancia dos líderes. Está no ar mais uma coluna do Brasileiraço, senhoras e senhores.

Continue lendo “Brasileiraço: Disfarçando as evidências”

Brasileiraço: A ziquizira interminável do Atlético Mineiro

Bruno Rodrigo Cruzeiro

Dois clássicos marcaram uma bela sétima rodada do Brasileirão na Série A. Cruzeirenses e Palmeirenses estão rindo à toa. Na Série B, Vasco perde a invencibilidade de 34 jogos para o vice-líder e briga esquenta na tabela. Portuguesa passa vergonha em casa na Série C. Confira os destaques do Brasileirão neste fim de semana.

Continue lendo “Brasileiraço: A ziquizira interminável do Atlético Mineiro”

Brasileiraço: Um domingo de arte e cagadas da arbitragem

Robinho x Sport
Foto: GloboEsporte.com

Em rodada repleta de golaços, especialmente nos jogos do domingo, a arbitragem voltou a estar em foco por atuações desastrosas. Torcedores do Sport e do Palmeiras reclamaram (com razão) da intervenção dos homens do apito na Série A. Destacamos também o que de melhor aconteceu nas Séries B e C do Brasileiro.

Continue lendo “Brasileiraço: Um domingo de arte e cagadas da arbitragem”

Noite de Libertadores: A volta do São Paulo cascudo

São Paulo x Atlético

Partidaço entre Atlético Mineiro e São Paulo no Independência termina com vitória atleticana e classificação tricolor. Perfil cascudo do time de Edgardo Bauza fez a diferença e neutralizou a loucura ofensiva do Galo. Só resta um brasileiro na Libertadores e ele reside no Morumbi.

Continue lendo “Noite de Libertadores: A volta do São Paulo cascudo”