O que ainda pode acontecer com a carreira de Casillas?

Sondado pelo Liverpool, o espanhol não deve continuar no Porto para a próxima temporada. Aos 36 anos, ele não parece estar contemplando a sua aposentadoria e atuar na Premier League pode ser um último grande passo para coroar sua trajetória.

Iker Casillas não estava derrotado e aposentado quando deixou o Real Madrid para uma experiência no Porto. Depois de viver grandes momentos na meta madridista, o espanhol saiu desprestigiado em 2015, repetindo falhas na fase final da temporada em que os madridistas foram campeões da Europa.

Muito pressionado e cobrado pela torcida, sem falar na imprensa espanhola, Casillas encontrou novos ares em Portugal e conseguiu se reencontrar com o bom futebol. Estamos falando de um dos melhores goleiros do mundo em sua juventude, rivalizando com Buffon e Neuer até o começo da década passada, um cara que foi bicampeão europeu e campeão mundial com a Espanha, que venceu todos os títulos que poderia como atleta. Mas mesmo com toda essa moral, ele precisava se reerguer de anos abaixo da crítica em Madri.

Duas temporadas de Porto depois, sem títulos, Iker parece ter recuperado a confiança e está pronto para um novo desafio. O fato de ter 36 anos e não apresentar mais a mesma elasticidade e os reflexos de antes não assusta o experiente ex-capitão do Real, que pode parar no Liverpool. O interesse do clube inglês não é novidade, mas agora Casillas tem condição de aceitar o convite e seria mais um veterano para ser acrescentado a um elenco jovem treinado por Jürgen Klopp.

Se Casillas realmente topar jogar pela Premier League, pode ter a exposição que desejava e não teve no Porto. E mais: atuar por uma equipe realmente competitiva na Liga dos Campeões, sua especialidade. Ele já tem três títulos na competição e sonha em chegar ao tetra. A vaga de titular, no momento, pertence a Mignolet, mas ele não inspira tanta confiança na torcida e nesse contexto, Casillas cairia como uma luva na formação de Klopp, trocadilhos à parte.

A idade não é um empecilho para Iker, que não teve graves problemas com lesões em seu histórico. A vitalidade de Buffon serve como exemplo para os goleiros da velha guarda, já que aos 39 anos, o italiano segue pegando tudo debaixo das traves da Juventus. É questão de determinação e força.

Isso não quer dizer que a união entre Casillas e Liverpool signifique o título europeu da próxima temporada, até porque falta muito para que os Reds sejam favoritos a qualquer coisa. Mas é um primeiro passo para renovar a confiança e o espírito ameaçador que o clube sempre teve em partidas internacionais.

Os dois lados ganham com essa possível transferência. Mais ainda Casillas, que terá nova chance de provar que ainda tem um nível altíssimo de desempenho.

2 pensamentos em “O que ainda pode acontecer com a carreira de Casillas?”

  1. Ainda pode render bem, não acompanho mt a carreira dele, mas só lembrar do Prass vindo velhão pro Palmeiras e vivendo melhor fase da carreira dele

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *