Brasileiraço: Gabriéis que vêm e que vão

Gabigol Santos choro

Santos perde Gabigol e cai para o Figueirense dentro da Vila Belmiro. Atacante segue para a Internazionale dar o próximo passo de sua carreira. Enquanto isso, o Palmeiras aproveita para se isolar na liderança com mais uma vitória, com o Flamengo no retrovisor.

Série A, R22: Gabriéis em evidência

Gabriel Jesus porrada

O Palmeiras voltou a vencer e segue na ponta do Brasileirão com o triunfo fora de casa contra o Fluminense. A partida foi marcada pela volta de Gabriel Jesus ao time titular. Vendido para o Manchester City e com viagem marcada para o fim do ano, a maior promessa alviverde dos últimos anos experimentou uma recepção nada agradável. Alvo fácil dos adversários, apanhou feito mala velha e ainda teve sua chuteira rasgada em um pisão de Gum. Dominante e objetivo, o Verdão fez 2-0 com Dudu e Jean. Jesus até fez um gol, mas estava em posição de impedimento e o lance foi anulado pelo bandeira. Sempre há esperança quando Jesus retorna.

O Santos, por outro lado, teve Gabigol por mais alguns minutinhos antes de selar a despedida do menino. Ele segue para a Itália, onde jogará pela Inter de Milão. E o adeus foi triste, já que o Peixe perdeu para o Figueirense na Vila, por 1-0. Outra derrota contra equipes que estão lá embaixo na tabela. Abre o olho, Dorival.

O Flamengo também não deixa de sonhar. Venceu e venceu bem a Chapecoense fora de casa, por 3-1, encostando no Verdão e tomando a segunda posição. Diego foi bem novamente e já caiu nas graças da torcida. Leandro Damião e Mancuello marcaram os outros gols. É a segunda vitória seguida do Fla, que está doido para que o Brasileirão de 2009 se repita com uma derrocada palmeirense e acabe em título. Outros interessados nessa taça são Grêmio e Atlético Mineiro, que empataram em Porto Alegre na tarde de domingo.

Por fim, destacamos a boa vitória da Ponte Preta diante do Corinthians em Campinas. Em sétimo e de olho no G4, a Macaca fez um grande jogo e não permitiu que o Timão tentasse encostar. Muita garra e competência dos meninos de Eduardo Baptista, que estão em ótima fase e ninguém dá o devido valor. Lá embaixo, o Cruzeiro respirou ao vencer o Santa Cruz no Mineirão. Os três pontos vieram com a genialidade de Robinho e o faro de gols de Ábila. Raposa fora do Z4 e ganhando confiança com Mano Menezes. Já o Inter, ah, o Inter… Estava na frente do Sport e ia encerrando uma fase de 13 jogos sem vencer. Seijas abriu o placar, de pênalti, mas o Colorado sucumbiu e deixou o Leão empatar com Vinícius Araújo. O resultado deixou os gaúchos no Z4 pela primeira vez.

Craque da rodada: Robinho, do Cruzeiro, que fez este gol aqui contra o Santinha.

Buzina da rodada: São Paulo, que viveu protestos intensos de torcida no sábado (incluindo agressões e intimidações) só para empatar em casa com o Coritiba. O Tricolor está em 11º, com quatro pontos a mais que o Inter. Perigo.

Placares: Ponte Preta 2-0 Corinthians, Santos o-1 Figueirense, Cruzeiro 2-0 Santa Cruz, Fluminense 0-2 Palmeiras, São Paulo 0-0 Coritiba, Grêmio 1-1 Atlético Mineiro, Chapecoense 1-3 Flamengo, Vitória 2-1 América Mineiro e Sport 1-1 Internacional. Atlético Paranaense x Botafogo jogam nesta segunda-feira às 20h.

Série B, R21: A luta de Bahia e Goiás

Bahia x Paraná

Quem está acompanhando a Série B deve ter notado a dificuldade do Bahia e do Goiás em engrenar para uma boa campanha. O Tricolor, que montou um timaço para a disputa e contratou Guto Ferreira, não conseguia sair do meio da tabela. Agora parece que as coisas entraram nos eixos, com uma vitória por 3-0 diante do Paraná, na Fonte Nova. Foram três gols em 20 minutos na segunda etapa, destruindo o pobre Paranito, que está ameaçado de rebaixamento, uma posição acima do Z4.

O Z4 era a moradia do Goiás até pouco tempo atrás. Mas a mudança de postura da equipe esmeraldina possibilitou uma reação. Agora eles estão em 15º (à frente do Paraná) e a oito pontos de distância do CRB, que fecha o G4. Neste fim de semana, o Goiás bateu o Londrina fora de casa e ganhou um pouco mais de moral para a sua arrancada. E Walter vem aí…

Lá na frente, a Série B ainda é liderada pelo Vasco, que empatou com o Tupi por 2-2 fora de casa. O cruzmaltino está decepcionante, mas ao menos ainda tem uma margem de quatro pontos para o Atlético Goianiense, que se aproveitou do tropeço do Ceará para voltar ao segundo posto. É pouco equilíbrio?

Placares: Sampaio Correia 1-2 Avaí, Brasil de Pelotas 0-1 Atlético Goianiense, Londrina 0-1 Goiás, Criciúma 0-1 Joinville, Ceará 1-1 CRB, Oeste 1-0 Paysandu, Vila Nova 0-2 Náutico, Tupi 2-2 Vasco, Bahia 3-0 Paraná e Luverdense 4-0 Bragantino.

Série C, R15: O Super Bugre e o desespero lusitano

Guarani x Portuguesa

O futebol paulista está em foco na Série C do Brasileirão. Com o Guarani liderando e amassando a concorrência e a Portuguesa lutando contra mais um rebaixamento de sua história, o estado tem dois representantes em cada ponta da tabela no Grupo B. E a coisa ficou complicadíssima para a Lusa.

Mas antes disso, falemos do Grupo A, onde o equilíbrio reina. O Fortaleza retomou a liderança ao bater o Salgueiro, em casa, por 3-1. Para quem tinha temporariamente saído do G4, voltar ao topo é um sonho para o Leão do Pici. O Remo, que estava na ponta, joga nesta noite de segunda-feira contra o ABC para tentar chegar aos 26 pontos e assim sentar novamente no trono lá no topo. Tropeços de Botafogo-PB e ASA abriram ainda mais a disputa pelo G4. Fortaleza (25), Remo (23), Botafogo (23) e ASA (23) ocupam estas quatro posições, mas ABC e América, com 22 e 19 pontos, respectivamente, não desgrudam o olho. Olha esta reta final que se desenha…

Voltamos ao drama paulista. O Guarani venceu de novo e chegou a 31 pontos, quase se garantindo na segunda fase. Isso é uma má notícia para a Portuguesa, que era a adversária do Bugre. O placar foi de 1-0 mas impôs a quarta derrota consecutiva para a Lusa, que não consegue desatolar do Z4. A diferença é de um ponto para o Macaé e tudo pode mudar, mas os corações estão acelerados pelos lados do Canindé. Atrás do Guarani, o Botafogo-SP vem bem da mesma forma, com apenas quatro pontos a menos, após empate com o Juventude. Fechando o G4, Ypiranga e Boa lutam na base da chinelada pelas vagas, seguidos por Juventude, Tombense e Mogi Mirim, que ainda estão com boas chances de classificar. Loucura total.

Placares: [Grupo A] Fortaleza 3-1 Salgueiro, Botafogo 1-2 América-RN, Cuiabá 2-0 ASA e Confiança 4-1 River. ABC e Remo jogam nesta segunda-feira às 19h15.

Série D, placares das quartas de final

Ituano x CSA

Moto Club 2-2 Atlético-AC, ida
Fluminense-BA 2-3 Volta Redonda, ida
Ituano 1-2 CSA, ida
Itabaiana x São Bento jogam a ida nesta segunda-feira, às 20h.

Partidas de volta

Atlético-AC x Moto Club, 04/09 – 19h
Volta Redonda x Fluminense-BA, 03/09 – 18h
CSA x Ituano, 04/09 – 16h
São Bento x Itabaiana, 04/09 – 18h30

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *