#SextaDasCamisas: Cardiff retoma a tradição e volta a usar uniformes azuis

Quando o milionário Vincent Tan assumiu o Cardiff em 2009 e resolveu fazer uma repaginação da marca do clube, em 2012, muitos torcedores bateram o pé e se revoltaram. Afinal, depois de mais de 100 anos, a equipe galesa abandonou o azul e adotou o vermelho de um dragão como principal cor. Cabeças rolaram e houve até quem boicotasse o próprio time como forma de protesto. Justo, aliás.

A maluquice, feita com a premissa de globalização, não deu lá muito certo. Apesar do Cardiff ter alcançado a Premier League no ano seguinte, hoje o time para na Championship sem muita perspectiva de retornar à elite. Em longo prazo, só serviu para que gente ficasse descontente e que o clube ficasse completamente descaracterizado. Três anos depois de irritar os torcedores e estragar o escudo e a camisa, Tan aprovou em janeiro de 2015 o retorno ao belo azul que deu a alcunha de ‘Bluebird’ aos galeses.

Desde então, o time voltou a jogar com o uniforme titular na cor adequada, muito embora o azul nunca tivesse sido exatamente esquecido. Estava sendo usado como fardamento alternativo, atropelado pelo distintivo vermelho e o dragão imbecil como ícones da agremiação.

Finalmente, este erro foi corrigido. Até o fim da temporada inglesa, os Bluebirds utilizaram o velho azul fabricado pela desconhecida Conway, que assinou os uniformes a partir de 2014. Agora a Adidas herdou a bucha e fez um excelente trabalho para a sua primeira camisa neste retorno. Apesar de parecer um pouco com o Chelsea de 2014–15, é bem bacana a peça.

Até porque, convenhamos, as camisas da Conway (abaixo) eram uma bela de uma porcaria. Ninguém vai lembrar dessa coleção como AQUELA QUE NÓS VOLTAMOS A USAR DEPOIS QUE O DONO PAROU COM AS IDIOTICES EM VERMELHO, e sim como um dos uniformes mais triviais do Cardiff.

Vida longa ao azul do Cardiff. Confira abaixo no detalhe os novos uniformes feitos pela Adidas.

Sério, olha que lixo! Foto: Divulgação/Cardiff
Sério, olha que lixo! Foto: Divulgação/Cardiff
Foto: Football Shirt Culture
Agora sim, o negócio ficou bacana… Foto: Football Shirt Culture

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *