Terra de ninguém

Nessa bumba eu não ando mais/ acharam um bagulho no banco de trás/ (…) É, é, é/ eu acho que o bagulho é de quem tá de pé.

Pra você que, no fim de semaGOOOOOOOOOOOOL DA PORTUGUESA. Como eu dizia, praGOOOOOOOOL DA PORTUGUESA. Então, no sáGOOOOOOL DA PORTUGUESA. Buenas, foi assim que a torcida do Baêa se sentiu no sábado, quando a Lusa já foi enfiando 3-0 com 6 minutos de jogo, no Canindé. A partida terminou 4-2, e até o BÉRGSON fez gol. Agora vou começar o texto.

Pra você que encheu a cara de cerveja, cachaça ou combustível de avião, o seu lugar não é aqui, é numa clínica de reabilitação de alcoólatras. Vai se tratar amigão, isso aqui é um saite de família. Pra outros tipos de perversões, aí vai o resumo mais-do-mesmo da rodada do final de semana do ALEATORIOZÃO 2013. Uma curiosidade: a rodada teve cinco jogos no sábado e cinco no domingo (e daí, não é mesmo?!)

Sobrou gol em alguns jogos, faltou em outros. O Goiás JEJUOU no sábado, não sei se tem a ver com alguma religião, e o jogo contra o Galo – que, como dissemos, vai voltando ao normal depois da Libertadores – passou em branco no placar. Também passou em branco o jogo do desgraçado de sempre, o Botafogo, contra o desgraçado do momento, o São Paulo. Como o Ahahahahahahahahaloísio não jogou, não teve gol anulado. De lance bizarra, só a MALANDRAGEM do RC01 que eu li num portal da GRANDE MÍDIA. Achei mau-caratismo. Tão em penúltimo, bem feito.

O grande destaque foi o 0x0 em Curitiba. Coxa e Inter passaram em branco também, mas o que importa é que o Colorado segue há sete jogos sem perder no campeonato, e ainda tem uma partida a menos. Esse ano eles vêm pro forte na disputa pelo título. Já o Coritiba, sei lá, não deve ser uma boa levar corneta dos torcedores do Atlético. Só o Grêmio pra perder pra eles mesmo.

Por falar em Grêmio, na Arena o G L @ D D Y aproveitou passe de B<3TÃO – aquele – e quebrou o galho da macaca (?!). Grêmio 1-0, vice-liderança e a constatação de que este campeonato não é sério. Se o tricolor tá em segundo, até o Náutico ainda pode ser campeão dessa naba.

Para compensar essas mixaria (sem plural mesmo), Corinthians, Cruzeiro e Vasco resolveram desembestar a fazer gol. O Flamengo ajudou também, mas TOMANDO a sacolada do alvinegro de PARQUE SÃO JORGE. Poderiam ao menos ter marcado um com o monerinho __o__, mas nem pra isso.

A questão é que o jogo do Pacaembu bem que poderia ser uma piada. Sei lá: Pato, Romarinho e Guerrero entraram num bar e GOL DO CORINTHIANS. O que dizer desse time que fez 103 anos, mas que já considero pakas? Dá pra dizer que aquele segundo gol do Pato é gol de quem tem visão, de quem sabe o que tá fazendo, de quem já tem pensão milionária pra pagar e não apenas fica jogando videogame (CHORA GABIGOL). Caso vocês não tenham se dado conta, tô falando da bola que o Gabigol, do Santos, teve no meio da semana pra matar o Grêmio pela Copa do Brasil, mas chutou tudo errado etc Werley lindão. Mas tergiverso. Voltando à partida, depois o Romarinho FES ISO de novo, havia tempo que não fazia, e o Shake balançou (sacaram?!) na área, caiu e o Guerrero converteu o pênalti contra o Chelsea (?!). 4-0.

No Mineirão, GOOOOOOOL DO CRUZEIRO, logo aos trinta segundos de jogo, numa cobrança de LATERAL, em que a bola passou por cima do CRIS. WILLIE tentou, mas quem fez uma FÁBRICA DE CHOCOLATE foi o time mineiro, mesmo (5-3). O Vasco bem que CRIS (ahn, ahn, ahn?!?) ameaçar, o primeiro tempo terminou TRÊS A TRÊS (!), mas depois do intervalo DEDÉ DO VASCO DO CRUZEIRO fez mais dois gols e ainda assim é o 63º maior brasileiro de todos os tempos (ok, não foram dele os gols, mas seria massa se tivessem sido). Cruzeiro é líder, mesmo com aquele capuz fake no uniforme e aquela coroazinha xexelenta no peito.

Em Salvador, o Vitória perdeu (PARADOXO?!) para o Criciúma (0-1), e o Caio Júnior caiu (ha ha). A nota desse jogo é que o Tigre tem tanto REFUGO da dupla grenal que é praticamente um GOIÁS CARBONERO, ou um Goiás do sul, sei lá. Galatto, Elton, Lins, Marcel, Cassiano. Ainda, tem um técnico que HONRA O NOME DO TIME (Sílvio Criciúma).

Olha, pensando bem, depois de tomar 1-4 do Furacão (surpresa do campeonato, que agora tem o artilheiro, Éderson – 12 gols, há 10 jogos sem perder, mesmo treinado pela Vagner Mancini e com o Marco Antônio no elenco), acho que o Náutico não tem mais chances de ser campeão, não.

Troféu DUM DUM: Para os jogos com score maior ou igual a quatro.

Troféu FESTA DA DONA TETA: Fluminense e Santos (0-2), o JOGO ESQUECIDO DA RODADA™. Porque sim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *